História do PT

 
O Partido dos Trabalhadores foi fundado no dia 10 de fevereiro de 1980, no Colégio Sion, em São Paulo. O Partido surgiu da organização sindical espontânea de operários paulistas, liderados por Luiz Inácio Lula da Silva e outras lideranças de trabalhadores, no final da década de 1970, dentro do vácuo político criado pela repressão do regime militar aos partidos comunistas tradicionais e aos grupos de esquerda então existentes. Assim, o PT foi fundado com um viés socialista democrático. O Partido dos Trabalhadores foi oficialmente reconhecido como partido político pelo Tribunal Superior de Justiça Eleitoral no dia 11 de fevereiro de 1982 e participa das primeiras eleições, elegendo 8 deputados federais, 13 deputados estaduais e 127 vereadores e conquista a prefeitura de Diadema(SP).

O PT foi o primeiro a levantar a bandeira das eleições diretas para Presidente da Republica, que viria mobilizar milhões de brasileiros em 1984. Coerente, se recusa a participar da eleição indireta de Tancredo-Sarney no Colégio Eleitoral em 1985. Naquele ano, o Partido dos Trabalhadores chega à prefeitura de Fortaleza. Nas eleições de 1986, aumenta suas bancadas parlamentares para 19 deputados federaie 39 estaduais.

Nas eleições municipais de 1988, o PT conquistou as prefeituras de São Paulo, Vitória e Porto Alegre e mais 29 cidades em todo o Brasil, realizando administrações cuja arca principal foi a inversão de prioridades em favor da maioria da população. Em Porto Alegre, a administração Olívio Dutra implanta o Orçamento Participativo, ferramenta de participação popular nas decisões Da prefeitura e na dotação das verbas do orçamento. É a intervenção direta da sociedade na vida social e política da sua cidade.

Em 1989, o PT se firma como oposição ameaçando o candidato da elite, ao chegar no segundo turno com Lula. O partido conquista 31 milhões de votos pela Frente Brasil Popular. Fernando Collor é eleito graças ao apoio dos empresários e dos meios de comunicação e acabou afastado por corrupção em 1992, em memorável campanha popular que teve o PT um dos principais organizadores. O PT apresenta evolução partidária desde 1982 até agora.

O PARTIDO EM ALAGOAS

O PT foi fundado por lideranças sindicais, religiosas, estudantes e trabalhadores rurais no ano de 1981. A Comissão Provisória Regional do PT no Estado de Alagoas constituída pelos companheiros e companheiras – Pedro Luiz da Silva,  Adelmo dos Santos, Alan Brandão, Sandra Dias, Gentil Malta, Roberto Cavalcante e Agrimeron Araújo, ficou  responsável pela legalização do partido  junto ao Tribunal Regional Eleitoral, para concorrer  as eleições em 1982. Para que isso acontecesse seria necessário constituir diretórios municipais  em vinte e três cidades. O partido deu entrada de toda documentação na justiça eleitoral mas alguns diretórios foram rejeitados  pelo Tribunal  Regional Eleitoral/Alagoas alegando que a documentação estava incompleta.

Com essa decisão da justiça eleitoral, as lideranças passaram  apoiar os candidatos a deputado estadual  e federal de esquerda que estavam agrupados em sua maioria na legenda do PMDB, com destaque para – Ronaldo Lessa, Selma Bandeira, Eduardo Bomfim, Renan Calheiros  e outros. No ano seguinte, o PT obteve sua legalização e a partir de então passou a disputar as eleições majoritárias e proporcionais tornando-se uma referencia na politica alagoana.

Atualmente o PT tem uma bancada de dois deputados estaduais(Ronaldo Medeiros e Marquinho Madeira) e um deputado federal (Paulão). Administra as cidades de Inhapi(Zé Cicero), Santa Luzia do Norte(João Pereira), uma vice-prefeita – Justina  Vasconcelos(Japaratinga) e trinta e oito vereadores, notadamente nas cidades alagoanas de : Palmeira dos Índios(Sheila Duarte), Delmiro Gouveia(Pedro Paulo),  São Luis do Quitunde(João Paulo), Porto Calvo(José Afrânio), Penedo(Marcelo), Maragogi(Euredes) e Maceió(Cleber Costa).

PT NACIONAL filie-se SisFil Fundação Perceu Abramo Estatuto do PT PAC Dicas de filmes e livros Teoria e debate
Partido dos Trabalhadores - Diretório Estadual de Alagoas - 2017
Ladeira Dr. Geraldo Melo, N° 38, Farol - Maceió - Alagoas | Fone: (82) 3221-5788